The Faulty Metaphors of Finance in Memórias póstumas de Brás Cubas

The Faulty Metaphors of Finance in Memórias póstumas de Brás Cubas Abstract: Este artigo apresenta uma análise do conceito de "dívida" em Memórias póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis. O narrador, representante da elite brasileira do século XIX, imagina "dívida" sempre como dívida econômica que pode ser cumprida e então resolvida (ou melhor, desaparecida). Ele relata qualquer tipo de experiência humana com um vocabulário financeiro, se referindo a dívida como metáfora, mas essas metáforas são ao mesmo tempo brilhantes e enganadoras. A poesia dele é uma estratégia retórica, porque mesmo morto, o narrador continua fiel a sua classe. Seu privilégio social se manifesta em uma tendência a imaginar que existem certas pessoas bem-aventuradas pela Providência e essa classe de pessoas não deve nada a ninguém. http://www.deepdyve.com/assets/images/DeepDyve-Logo-lg.png Luso-Brazilian Review University of Wisconsin Press

The Faulty Metaphors of Finance in Memórias póstumas de Brás Cubas

Luso-Brazilian Review, Volume 49 (2) – Feb 27, 2012

Loading next page...
 
/lp/university-of-wisconsin-press/the-faulty-metaphors-of-finance-in-mem-rias-p-stumas-de-br-s-cubas-6Y9exur08k
Publisher
University of Wisconsin Press
Copyright
Copyright © the Board of Regents of the University of Wisconsin System.
ISSN
1548-9957
Publisher site
See Article on Publisher Site

Abstract

Abstract: Este artigo apresenta uma análise do conceito de "dívida" em Memórias póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis. O narrador, representante da elite brasileira do século XIX, imagina "dívida" sempre como dívida econômica que pode ser cumprida e então resolvida (ou melhor, desaparecida). Ele relata qualquer tipo de experiência humana com um vocabulário financeiro, se referindo a dívida como metáfora, mas essas metáforas são ao mesmo tempo brilhantes e enganadoras. A poesia dele é uma estratégia retórica, porque mesmo morto, o narrador continua fiel a sua classe. Seu privilégio social se manifesta em uma tendência a imaginar que existem certas pessoas bem-aventuradas pela Providência e essa classe de pessoas não deve nada a ninguém.

Journal

Luso-Brazilian ReviewUniversity of Wisconsin Press

Published: Feb 27, 2012

There are no references for this article.

You’re reading a free preview. Subscribe to read the entire article.


DeepDyve is your
personal research library

It’s your single place to instantly
discover and read the research
that matters to you.

Enjoy affordable access to
over 18 million articles from more than
15,000 peer-reviewed journals.

All for just $49/month

Explore the DeepDyve Library

Search

Query the DeepDyve database, plus search all of PubMed and Google Scholar seamlessly

Organize

Save any article or search result from DeepDyve, PubMed, and Google Scholar... all in one place.

Access

Get unlimited, online access to over 18 million full-text articles from more than 15,000 scientific journals.

Your journals are on DeepDyve

Read from thousands of the leading scholarly journals from SpringerNature, Elsevier, Wiley-Blackwell, Oxford University Press and more.

All the latest content is available, no embargo periods.

See the journals in your area

DeepDyve

Freelancer

DeepDyve

Pro

Price

FREE

$49/month
$360/year

Save searches from
Google Scholar,
PubMed

Create folders to
organize your research

Export folders, citations

Read DeepDyve articles

Abstract access only

Unlimited access to over
18 million full-text articles

Print

20 pages / month

PDF Discount

20% off