Get 20M+ Full-Text Papers For Less Than $1.50/day. Start a 14-Day Trial for You or Your Team.

Learn More →

A Edição Crítica De Alberto Caeiro/Fernando Pessoa: Elementos Para Um Estudo Da Téchne Heteronímica E De Uma Edição Hermenêutica Não-Linear

A Edição Crítica De Alberto Caeiro/Fernando Pessoa: Elementos Para Um Estudo Da Téchne... <p>Abstract:</p><p>Fernando Pessoa placed the brief and unfinished work of his master heteronym, Alberto Caeiro, at the center of his literary, philosophical and poetological oeuvre. Therefore, the edition and hermeneutics of Caeiro&apos;s texts are of fundamental importance to any interpretation of Pessoa&apos;s literary work as a whole. Thus, the five commented, and more or less critical editions that have been published during the last 25 years, require a critical evaluation. This study will focus primarily on the critical edition of Ivo Castro that was published in 2015, but it will also draw comparisons with the remaining four. It will be argued that all editions present incoherences with regard to their methodologies, and that they do not correspond in a satisfying manner to the challenges involved in the heteronymical process of Pessoa&apos;s creative practice. Consequently, a different method of reading and editing beyond the linear and orthotypographical genetic-critical traditions will be proposed. It will be argued that the unfinished character of Caeiro&apos;s text represents a paradigm of non-linear poetic language and poetics, which can be made extensible to the literary context of all heteronyms.</p><p> resumo :</p><p>Fernando Pessoa colocou a breve e inconclusa obra do seu heterónimo-mestre, Alberto Caeiro, no centro de todo o edifício literário, filosófico e poetológico que criou em vida. A edição e hermenêutica do texto caeiriano é, por isso, fundamental para qualquer interpretação da obra pessoana. O facto de nos últimos 25 anos terem aparecido cinco edições comentadas e, mais ou menos, críticas da obra do mestre, requer que se proceda agora a uma avaliação crítica deste conjunto. Assim, o presente estudo centrar-se-á, primordialmente, na edição de Ivo Castro de 2015 (por esta pertencer ao projecto da Edição Crítica de Fernando Pessoa) e traçará breves comparações com as quatro restantes. Argumentar-se-á que todas as edições resultam, em maior ou menor medida, ou incoerentes no que diz respeito às suas metodologias, ou insatisfatórias em relação ao processo heteronímico de criação poética praticado. Propor-se-á um método de leitura e edição para além das tradições genético-crítica linear e ortotipográfica, e argumentar-se-á que o carácter inconcluso do texto caeiriano representa um paradigma de linguagem poética e ideário poetológico não-lineares que é extensível ao contexto literário de todos os heterónimos. </p> http://www.deepdyve.com/assets/images/DeepDyve-Logo-lg.png Hispanic Review University of Pennsylvania Press

A Edição Crítica De Alberto Caeiro/Fernando Pessoa: Elementos Para Um Estudo Da Téchne Heteronímica E De Uma Edição Hermenêutica Não-Linear

Hispanic Review , Volume 88 (2) – May 6, 2020

Loading next page...
 
/lp/university-of-pennsylvania-press/a-edi-o-cr-tica-de-alberto-caeiro-fernando-pessoa-elementos-para-um-BQWuGLLpX0
Publisher
University of Pennsylvania Press
Copyright
Copyright © University of Pennsylvania Press.
ISSN
1553-0639

Abstract

<p>Abstract:</p><p>Fernando Pessoa placed the brief and unfinished work of his master heteronym, Alberto Caeiro, at the center of his literary, philosophical and poetological oeuvre. Therefore, the edition and hermeneutics of Caeiro&apos;s texts are of fundamental importance to any interpretation of Pessoa&apos;s literary work as a whole. Thus, the five commented, and more or less critical editions that have been published during the last 25 years, require a critical evaluation. This study will focus primarily on the critical edition of Ivo Castro that was published in 2015, but it will also draw comparisons with the remaining four. It will be argued that all editions present incoherences with regard to their methodologies, and that they do not correspond in a satisfying manner to the challenges involved in the heteronymical process of Pessoa&apos;s creative practice. Consequently, a different method of reading and editing beyond the linear and orthotypographical genetic-critical traditions will be proposed. It will be argued that the unfinished character of Caeiro&apos;s text represents a paradigm of non-linear poetic language and poetics, which can be made extensible to the literary context of all heteronyms.</p><p> resumo :</p><p>Fernando Pessoa colocou a breve e inconclusa obra do seu heterónimo-mestre, Alberto Caeiro, no centro de todo o edifício literário, filosófico e poetológico que criou em vida. A edição e hermenêutica do texto caeiriano é, por isso, fundamental para qualquer interpretação da obra pessoana. O facto de nos últimos 25 anos terem aparecido cinco edições comentadas e, mais ou menos, críticas da obra do mestre, requer que se proceda agora a uma avaliação crítica deste conjunto. Assim, o presente estudo centrar-se-á, primordialmente, na edição de Ivo Castro de 2015 (por esta pertencer ao projecto da Edição Crítica de Fernando Pessoa) e traçará breves comparações com as quatro restantes. Argumentar-se-á que todas as edições resultam, em maior ou menor medida, ou incoerentes no que diz respeito às suas metodologias, ou insatisfatórias em relação ao processo heteronímico de criação poética praticado. Propor-se-á um método de leitura e edição para além das tradições genético-crítica linear e ortotipográfica, e argumentar-se-á que o carácter inconcluso do texto caeiriano representa um paradigma de linguagem poética e ideário poetológico não-lineares que é extensível ao contexto literário de todos os heterónimos. </p>

Journal

Hispanic ReviewUniversity of Pennsylvania Press

Published: May 6, 2020

There are no references for this article.